Pierre Bittar - Artista Impressionista Francês  
 

Pierre Bittar: French Impressionist Artist

 
 

SOMOS CÉLULAS DE DEUS?
por
Pierre Bittar
18 de fevereiro de 2013
 

Uma célula é definida como “a menor unidade de vida de um ser vivo”. O corpo humano contém a incrível quantidade aproximada de 100 trilhões de células vivas. Apenas para se ter uma ideia da dimensão deste número, imagine que Deus criasse um homem ou uma mulher a cada segundo. Quantos seres humanos seriam criados em 3 milhões de anos? A resposta seria menos que 100 trilhões.

Outra questão pode vir à sua mente. Nós temos algum controle sobre essa imensa quantidade de células em nosso corpo? De certa forma, a resposta é sim. Por exemplo, quando levamos uma picada de pernilongo, não somente a sentimos, mas também sabemos exatamente em que ponto de nossa pele ela aconteceu.

Da mesma forma, sabemos através das escrituras que, quando pecamos, magoamos a Deus. Ele sofre com nossos pecados muito mais do que sofremos com uma picada de mosquito. Ele conhece a natureza de nosso pecado e o nome daquele que o cometeu. Em outras palavras, cada um de nós tem a alma e o espírito conectados a Deus, da mesma forma que as células do nosso corpo estão conectadas à nossa mente. Por meio da descoberta de nossas capacidades humanas, alcançamos uma melhor compreensão sobre quem é Deus.

 Esta analogia é outra confirmação de que o homem é feito à semelhança de Deus. O Gênesis 1:26 diz “E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança...” Afinal de contas, Ele é nosso Pai, nossa alma e nosso espírito vêm d’Ele. O Gênesis 2:7 diz “...e soprou em suas narinas o fôlego de vida, e o homem se tornou um ser vivente”. Temos em nós o sopro de Deus e, portanto, levamos conosco o seu gene.

Pior que uma picada de mosquito, é quando uma célula se torna cancerosa e transforma as demais células que a circundam, criando um tumor. Quando o homem peca, se arrepende e pede perdão, Deus o perdoa. Mas se ele continua a pecar, ou se tenta ou força os demais a pecarem com ele sem qualquer arrependimento, ele condenará a sua alma e o seu espírito à morte eterna. 

Quando o orgulho do arcanjo Lúcifer o levou a invejar a Deus e a querer ser como Ele, Deus o teria perdoado, se Lúcifer houvesse se arrependido e pedido perdão. Ao invés disso, Lúcifer convenceu um terço dos anjos de que eles seriam como Deus se o seguissem. O resultado foi a queda de Lúcifer, que se tornou Satã, e de seus seguidores, que se tornaram anjos das trevas, ou demônios. Eles foram todos condenados à morte eterna.

Quando as células se transformam em um tumor, um cirurgião remove esse tumor e se livra dele. Deus, ao contrário, não deseja que o homem seja separado d’Ele e jogado no inferno. Ele deseja que o homem permaneça com Ele, como Ele escreveu em João 15:4 “Permaneçam em mim, e eu permanecerei em vocês. Nenhum ramo pode dar fruto por si mesmo. Ele dever permanecer na videira. Vocês também não podem dar fruto se não permanecerem em mim”.  Ele também disse, em João 15:6, “Se alguém não permanecer em mim, será como o ramo que é jogado fora e seca. Tais ramos são apanhados, lançados ao fogo e queimados”.

A moral disto é que devemos sempre nos lembrar de que temos o privilégio e a honra de sermos filhos do Deus todo-poderoso, o Rei dos reis, Senhor dos senhores. Devemos ser humildes e honrar Seu santo nome sendo santos. Também devemos evitar cometer pecados, o que O faz sofrer. Deus ama cada um de nós mais do que tudo o que Ele criou. Ele provou Seu grande amor quando veio à Terra como Jesus Cristo e, como humano, aceitou todas as possíveis humilhações, derramando Seu precioso sangue na cruz como um cordeiro, para lavar nossos pecados. Ele queria que nos tornássemos os novos Adão e Eva, nascidos pelo Espírito Santo (renascidos), para que possamos gozar a Sua presença em Seu reino por toda a eternidade.

------ o ------

PÓS-ESCRITO
Aqueles que sentirem que esta mensagem deve ser divulgada mais amplamente têm a liberdade de publicá-la em revistas, jornais, boletins de igrejas, etc. “Somos células de Deus” também pode ser transmitido eletronicamente por meio de e-mails ou exibido em websites.

 
  

A Vida de Nosso Senhor

Introdução 1 - A Anunciação 2 - O Nascimento de Jesus 3 - Fuga para o Egito
4 - No Templo com os Doutores 5 -Os 4 Primeiros Discípulos 6 - As Bodas de Caná 7 - Jesus Ressuscita o Filho de uma Viúva
8 - Alimentando 5000 Pessoas 9 - A Última Ceia 10 - A Traição de Judas 11 - A Humilhação de Jesus
12 - Crucificação e Morte 13 - A Ressurreição de Jesus 14 - A Ascensão Espalhando a Palavra

ENTENDA A SANTÍSSIMA TRINDADE
A Santíssima Trindade revelada através de uma pintura
A Santíssima Trindade
Somos Células de Deus?

entrevista em vídeo entrevista de rádio
 
  
Galeria Pierre Bittar
Página inicialAnuário